As minhas cachadas no Geocaching

Profile for jpngi

sexta-feira, 3 de agosto de 2007

São danos colaterais

Caros Bloguistas Militantes

Sabiam que é ilegal as autarquias financiarem partidos políticos?

Já se vêem nas ruas os cartazes a anunciar a "festa do Avante".

A "festa do Avante", não é mais que a festa do jornal “Avante”- que é tão somente o órgão central do Partido Comunista Português, e que ainda apela ironicamente “proletários de todos os países, uni-vos”.

É esta festa, ou melhor este financiamento mascarado de festa. Que agora e já desde há algum tempo é no Seixal.

Começou no Jamor, passou para a Ajuda, depois se não estou em erro para Loures e agora passou-se para o outro lado (quanto mais longe melhor).

Não, não mudou da esquerda para a direita, neste caso mudou da direita para a esquerda... margem do Tejo... claro... foram danos colaterais.

A festa do Avante, ou devo antes dizer, a festa que os comunistas fazem para conseguir branquear o capital das câmaras e juntas de freguesia dos seus camaradas que lá estão eleitos e que a pretexto desta festa financiam o PCP (Partido Comunista Português - deveria ser Partido Comunista de Portugal, pois pátria para eles só há uma o Comunismo, mas isso são outros 2$50).

Pois é, caros bloguistas militantes, uma mentira várias vezes repetida passa a ser verdade... demonstrando...

Os comunas lançaram esta mentira " Os autarcas comunistas são os mais sérios, os que mais trabalham e tem obra feita".

Ora uma mentira para pegar tem de ter algum fundo de verdade... pois analisemos dividindo a frase.

Os autarcas comunistas são os mais sérios... por aqui vemos que não há fundo de verdade, julgamentos em causa própria são sempre duvidosos, principalmente afirmações generalistas e generalizadas como esta.

Atentemos bem ás freguesias e câmaras comunistas, e vemos onde começa uma parte do atraso do nosso país, os autarcas comunas investem muito no desporto, vide os pavilhões gimnodesportivos ás moscas por esse Alentejo fora...mas isso são danos colaterais...

Claro que nem todos são maus, existem alguns que são péssimos… é uma progressão geométrica, eles são tanto piores quanto mais próximos estão da heterodoxia do Comité central.

Existe um ou outro caso esporádico que os autarcas comunas são bons e que merecem o nosso aplauso, por serem progressistas e inovadores, mas esses ou estão a caminho de saírem do partido ou a mudarem para a renovação comunista... mas isso ficará para outro post se me apetecer.

Voltemos à festa do AVANTE... levei tempo a compreender porque é que na revista da festa do avante a maior parte dos anúncios são de câmaras municipais e de juntas de freguesia.

Foi em Junho do primeiro ano em que estive como eleito numa junta de freguesia, presidida por um comunista, que fiquei a saber o porquê dos anúncios na revista da festa do Avante (porquê Junho perguntam vocês… porque é o fim do prazo que o comité central deu aos autarcas para colocarem os anúncios… eles são comunas mas são comunas portugueses… e é genético deixar a coisas para a última da hora).

Caros bloguistas militantes, vejamos o que acontece por fases:

  • já não bastando os "jobs" principescamente pagos aos funcionários do PCP (que entram sem concurso) que vão para as câmaras e para as juntas de freguesia, controlar os respectivos pelouros do desporto e do associativismo… esse talvez será tema de um outro post.
  • já não bastando alguns clubes controlados pelo PCP, que vamos lá saber porquê, recebem mais subsídios da freguesia e/ou da câmara ... do que outros clubes, e os controlados pelo PCP são clubes que "estranhamente" menos actividade têm.
  • Não bastando isso, os presidentes de Junta e os de Câmara eleito pelo PCP, mandam colocar anúncios na revista da festa do Avante, muitas das vezes sem sequer ir a reunião de executivo em algumas autarquias ou indo a reunião fazem passar a proposta por maioria... mas isso são danos colaterais...

Nota: os comunas fazem sempre gala em executivos que estejam, de querer fazer passar tudo por unanimidade, mas neste caso a democracia é “estalinistica”, neste e na contratação do pessoal controleiro do PCP.

Se folhearmos a revista da festa do AVANTE, vemos os anúncios das autarquias e dos clubes por elas financiados...

Existe aqui um duplo financiamento da festa, o das autarquias para a revista da festa, e o das autarquias para os clubes, que por sua vez colocam anúncios na revista da festa.... é uma festa.

Já para não falar, nas camionetas e carrinhas das Juntas e das Câmaras municipais, que transportam pessoal par a festa de borla... mas isso são danos colaterais.

Claro que quem paga tudo isto é o zé povo....mas isso são danos colaterais.

Esse mesmo zé que eles PCP dizem defender contra as investidas do Capitalismo, é esse mesmo zé que paga as festividades daquele partido... são danos colaterais...

A segunda parte da mentira e que vem associada á primeira é esta: quem trabalha na festa do avante trabalha de borla…

Esqueceram-se acrescentar (ou não convém mesmo nada dizer) que são os funcionários/controleiros do PCP que estão lá a trabalhar e que são dispensados das junta e das câmaras (por ordem do comité central) para estarem a "arranjar" a festa.

Nessas alturas ninguém os vê, nos "locais de trabalho" ou deveria dizer nos seus locais de controle.

E claro quem está a pagar aos controleiros? Exacto o Zé povo...

Outra meia verdade da frase é esta : realmente os autarcas comunas são os que mais trabalham e tem obra feita, é verdade , mas isto é só meia verdade esqueceram-se de acrescentar ... mais trabalham e tem obra feita ... para o PCP, não para a população que os elegeu.

É ilegal as "autarquias financiarem partidos políticos, seja de que forma for", até mesmo se estiver disfarçada de festa do “AVANTE”...

O PCP é o partido que mais acusa e reclama em relação a este aspecto (não da festa, mas dos jobs e dos financiamentos), mas é o PCP que tem um autor bem conhecido que é "património" do seu partido, que tem um livro intitulado "O partido com paredes de vidro"...

Ironizando só um pouco (até porque o dito senhor já faleceu e não pode dar uma contra resposta), diria "O partido com paredes de vidro...fosco".

Será que o Ministério público anda a dormir há anos, e nunca viu isto?

Ou será que o MP não actua porque anda a pagar pela dívida de gratidão por o PCP ter autonomizado o Ministério Público da Magistratura Judicial, quando na tentativa de implantação da Ditadura Comunista em Portugal, vieram com essa ideia peregrina ( e consta, não sei se é verdade, que encheram o MP de militantes do PCP).

É público e notório, a festa do AVANTE é financiada pelas autarquias, e indirectamente por todos nós, quer queiramos quer não...

E eu não quero!

Não quero involuntariamente nem indirectamente, financiar uma festa que é a festa de um órgão de um partido político.

Não há festa como esta.... diz o PCP... e eu acrescento ..há pois, não há não!

Mas faço fé na ASAE, para bom entendedor... meia pala ... ba...

Já entrou sangue novo no MP, já não é preciso eternizar essa dívida, muito menos pagá-la, vá lá mostrem o vosso valor, e se eu tiver de ir na leva... olha são danos colaterais...

Pra não dizer que não falei das flores - Letra Geraldo Vandré

Caminhando e cantando e seguindo a canção
Somos todos iguais, braços dados ou não
Nas escolas, nas ruas, campos, construções
Caminhando e cantando e seguindo a canção

Vem, vamos embora que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora, não espera acontecer
Pelos campos há fome, em grandes plantações
Pelas ruas marchando, indecisos cordões
Ainda fazem da flor seu mais forte refrão
E acreditam nas flores vencendo canhão
Há soldados armados, amados ou não
Quase todos perdidos de armas na mão
Nos quartéis lhes ensinam uma antiga lição,
De morrer pela pátria e viver sem razão

Nas escolas, nas ruas, campos, construções
Somos todos soldados, armados ou não
Caminhando e cantando e seguindo a canção
Somos todos iguais, braços dados ou não
Os amores na mente, as flores no chão
A certeza na frente, a história na mão
Caminhando e cantando e seguindo a canção
Aprendendo e ensinando uma nova lição.

ELE HÁ CARGAS FANTÁSTICAS, NÃO HÁ?

4 comentários:

Anónimo disse...

Olá meu amigo, engraçado... ao ler tuas palavras tive a impressão que falavas das coisas que acontecem aqui no Brasil... Um oceano nos separa, mas por incrível que possa parecer a "colônia" aqui segue a mesma rota de Portugal.
Obs.: Geraldo Vandré é perfeito... foi torturado e perseguido por causa dessa música...
Bjs
Adriana Machado dos Santos, desde o Brasil.

Geosapiens disse...

Caro,

esta carga não é bem ligeira...digamos que é mais para o pesada...mas em fim...o que é verdade é para se dizer...;)...

Concordo em género e grau...

.'.Geosapiens.'.

Cabo Napol "eao" disse...

Pois é o oceano que nos separa, não é uma barreira mas uma espécie de esponja refinadora.

Mas tanto ABSORVE coisas más, como coisas boas.

Cabo Napol "eao" disse...

Pois Geosapiens,

A carga foi ligeira quase a tocar no pesado... porque quando eu contar o resto...
tenho de mudar o nome ao blog.

Nada que os tipos da Judiciária já não tenham conhecimento... a acção essa é que não foi muita mas enfim...

Como dizia o outro, é o país que temos, é o país que temos.