As minhas cachadas no Geocaching

Profile for jpngi

quinta-feira, 7 de agosto de 2008

É O PAÍS QUE TEMOS

Caros Bloguistas Militantes

A nossa Brigada hoje escolheu para destaque o blogue "Frases e Perguntas Polémicas (ou apenas curiosas) ", um blogue e que segundo o seu autor "foi idealizado a partir de frases soltas, ideias mirabolantes e questões chocantes." Convida o leitor a participar, a intervir... coisa difícil neste nosso Portugal. É um espaço que pretende ser de "evasão mental e construção de pensadores livres. Bem vindos a todos os polémicos... a nossa hora chegou!" - Pois então visitem-no em http://polemicasincomodas.blogspot.com/ Basta clicarem em cima do link para lá irem visitá-lo

Caros Bloguistas Militantes

Nunca acordaram querendo mandar tudo para as urtigas? eu já...
BARDAMERDA, estou farto de ser tratado como se fosse estúpido.
Estou farto de ser maltratado,BARDAMERDA.
Estou farto! Estou farto! Estou farto!
BARDAMERDA. Pronto já disse.
Que raio de desígnio este, que triste fado, que malfadada sina, este país que teima em tratar mal os seus cidadãos...
É o funcionalismo público que em vez de servir e facilitar, serve-se a ele próprio e atrasa-nos, e mais grave, fica impune.
E para não dizerem que eu sou como o bastonário da Ordem dos Advogados que faço acusações sem fundamento, eu digo:
O Estado é mau pagador, o Estado não cumpre as leis e as sentenças que os tribunais a isso lhe obrigam, quem tem dívidas a receber do Estado, fica sem dúvidas que se as receber ( caso não desista) só o vai fazer depois de longa batalha judicial e passados alguns anos. Se o cidadão ganha contra o Estado e este é condenado a pagar, este não paga e o cidadão tem de colocar novo processo... Os advogados que percebem de direito fiscal, são os mais bem pagos porque os processos contra o Estado são intrincados, complicados e morosos.
Não quero saber dos orçamentos e das desculpas que eles inventam, se existe uma dupla dívida, o estado deve ao cidadão 120 euros e o cidadão deve ao Estado 100 euros, porque é que o Estado não faz como todas as empresas ou seja um encontro de contas? E não me venham com justificações porque nesta matéria não as aceito.
Estou farto! Estou farto! Estou farto! BARDAMERDA. Pronto já disse.
Mas não ficamos por aqui, o Estado para aligeirar a máquina burocrática do próprio, criou empresas, só que estas filhas daquele, são tão ou mais burocratas que o dito cujo.
E tem as empresas protegidas, como é o caso da CARRIS, que aparenta ter certificados de qualidade mas tem um péssimo serviço. Por exemplo, sabiam que para andar nos eléctricos novos, que já tem uns anos e que já estão a cair de podre, e nunca tiveram o uso para que foram comprados, e que dizem as más línguas (eu não estava lá não vi) quem os comprou embolsou 7 milhões de contos na altura... coisa pouca...
Mas dizia eu, comprar a tarifa de bordo nesses eléctricos, só com moedas, porque os tipos que embolsaram os 7 milhões, para não ganharem só 6 milhões e 990 mil, compraram uma máquina que só aceita moedas... é como diz o ditado para a mulher de César, para ser séria não basta sê-lo tem de parece-lo.
Estou farto! Estou farto! Estou farto! BARDAMERDA. Pronto já disse.
As empresas municipais que também é Estado, não é Estado central mas também é Estado. É a EMEL a cobrar o que não deve, a não pagar aos fornecedores, a BRISA por exemplo é uma das credoras, e como não recebe, o sistema de acesso aos bairros históricos, inaugurado pelo Sr. Santana, que não fez o contrato de manutenção técnica adequado, só se lembrou de o adquirir, anda constantemente avariado, o sistema não o Sr. Santana.
A verdade é que já deixámos a Monarquia quando a trocámos pela REPÚBLICA, mas os Presidentes de Junta e de Câmaras eleitos democraticamente, gerem como se de capitães donatários se tratassem ou de Marqueses. E assim gerem perpétuamente os espaços que lhes estão consignados, são uns autocratas que fazem tudo para se manter (existem honrosas excepções).
Cabe na cabeça de algum regime democraticamente são, que uma equipa de uma Câmara ou junta de freguesia, seja a mesma desde a revolução do 25 de Abril?
Democracias assim, nem ao melhor estilo da América Latina.
Parece que somos todos estúpidos, parece que não existe um mecanismo imediato de limitação de mandatos...
Estou farto! Estou farto! Estou farto! BARDAMERDA. Pronto já disse.
Meus CAROS o poder corrompe, o Poder absoluto, corrompe absolutamente, magister dixit.
E por último, então não é que andamos a ser influenciados para ponderar a energia Nuclear no nosso país?
Passam 67 anos que ontem foi largada a Bomba atómica, já morreram/mataram milhões de pessoas com a radiação, não controlamos a fusão nuclear, estamos longe da fusão a frio, e vêem com esta conversa?
Eu digo-vos, central nuclear em Portugal, e eu saio de cá... não é uma ameaça, nem é uma promessa é uma constatação de facto.
Estou farto de ser maltratado, para servir a senhores que só vêem dinheiro e não o futuro, só vem o lucro e não a sociedade. BARDAMERDA! Estou farto! Estou farto! Estou farto! PORRA. Pronto já disse.
É O PAÍS QUE TEMOS. É O PAÍS QUE TEMOS... e se continua assim qualquer dia acordo e só digo asneiras.

Rosalinda Fausto

Rosalinda se tu fores à praia
se tu fores ver o mar
cuidado não te descaia
o teu pé de catraia
em óleo sujo à beira-mar a branca areia de ontem
está cheiinha de alcatrão
as dunas de vento batidas
são de plástico e carvão
e cheiram mal como avenidas
vieram para aqui fugidas
a lama a putrefacção
as aves já voam feridas
e outras caem ao chão Mas na verdade Rosalinda
nas fábricas que ali vês
o operário respira ainda
envenenado a desmaiar
o que mais há desta aridez
pois os que mandam no mundo
só vivem querendo ganhar
mesmo matando aquele
que morrendo
vive a trabalhar
tem cuidado...
Rosalinda se tu fores à praia
se tu fores ver o mar
cuidado não te descaia
o teu pé de catraia
em óleo sujo à beira-mar
Em Ferrel lá p´ra Peniche
vão fazer uma central
que para alguns é nuclear
mas para muitos é mortal
os peixes hão-de vir à mão
um doente outro sem vida
não tem vida o pescador
morre o sável e o salmão
isto é civilização
assim falou um senhor
tem cuidado.

Ele há cargas fantásticas não há? Mas há armas que a Brigada não usa...por respeito à natureza, porque é leal no combate e também o faz com honra

Sem comentários: