As minhas cachadas no Geocaching

Profile for jpngi

sexta-feira, 7 de março de 2008

Na terra do nunca

Caros bloguistas militantes
Seguiamos de comboio a ouvir a música da abelha Maia, do nooddy, do Jackie e a ver o mar e a sonhar que era pirata naquele barco que passava, quando começou a pensar que existem pessoas que nunca crescem.
Existem pessoas que permanecem para sempre crianças, e ele gostava de ser uma delas.
As pessoas que tal como as crianças, veem o mundo a amanhecer cheio de esperança, onde a imaginação pulula entre os livros e os brinquedos.
As agruras e as negruras do mundo são coisas que os adultos veem nos telejornais, existem pessoasque nunca deixaram de ser crianças outra cresceram demasiado depressa e já não sabe o que isso foi.
Ser criança em que cada viagem de comboio é uma aventura para a terra do Harry Potter, cada barco no mar é um navio corsário para se brincar aos piratas das caraíbas e enterrar inúmeros tesouros, cada onda na praia que nos molha os pés são apelos da pequena sereia para irmos brincar com ela.
Cada ratinho pequeno é o Speedy Gonzales a brincar com o sylvester, o nosso grupo de amigos é a tripulação da Star Treck, onde todas as tardes viajamos por esse imenso espaço descobrindo novos mundos.
Somos mosqueteiros sempre prontos a lutar pelo bem, poisé existem pessoas que nunca deixaram de ser crianças.
Existem pessoas que por terem essa condição nunca deixaram de reparar no azul do céu, na espuma do mar, no arco íris que no seu fim tem um tesouro num pote.
Ah como eu gostava de ser uma delas, não sei onde e quando perdi essa magia, não sei onde e quando tive a notícia de que passei a ser um adulto, não que isso seja mau, mas ser criança é e foi tão bom.
Bem, caros bolguistas militantes a conversa estava boa, mas tenho de sair pois o Peter Pan e os seus amigos estão á minha espera na terra do nunca, e temos uma partida combinada para fazer ao capitão Gancho.
Saiba- Adriana Calcanhoto-Composição: Arnaldo Antunes
Saiba!
Todo mundo foi neném
Einstein, Freud e Platão, também
Hitler, Bush e Saddam Hussein
Quem tem grana e quem não tem...
Saiba!
Todo mundo teve infância
Maomé já foi criança
Arquimedes, Buda, Galileu
E também você e eu...
Saiba!
Todo mundo teve mêdo
Mesmo que seja segrêdo
Nietzsche e Simone de Beauvoir
Fernandinho Beira-Mar...
Saiba!
Todo mundo vai morrer
Presidente, general ou rei
Anglo-saxão ou muçulmano
Todo e qualquer ser humano...
Saiba!
Todo mundo teve pai
Quem já foi e quem ainda vai
Lao-Tsé, Moisés, Ramsés, Pelé
Gandhi, Mike Tyson, Salomé...
Saiba!
Todo mundo teve mãe
Índios, africanos e alemães
Nero, Che Guevara, Pinochet
E também eu e você
E também eu e você
E também eu e você...

ELE HÁ CARGAS FANTÁSTICAS, NÃO HÁ? MAS NO FINAL DA BRINCADEIRA A MÃE CHAMA-NOS PARA IRMOS COMER A SOPA.

Sem comentários: