As minhas cachadas no Geocaching

Profile for jpngi

domingo, 24 de janeiro de 2010

Vem vamos embora, que esperar não é saber

Caros Bloguistas Militantes
Portugal vai com 100 Anos de República.
Este Século que temos de República, ainda está longe dos 2 séculos e meio de outras repúblicas do mundo.
Todos, já há muito, muito mesmo... que esperamos algo melhor... algo que para a maioria nunca vem ...
100 ANOS de República e não é esta a República Democrática que nós queremos.
Quanto a mim a República que idealizo e almejo, é a que tem os ideais Republicanos de Liberdade, Igualdade e Fraternidade.
A partir destes 100 anos de República, gostaria de ter uma República mais livre, mais justa, mais solidária, mais cooperativa... longe dos totalitarismos de Direita ou de esquerda, ou económicos.
A República precisa de beber as palavras de Geraldo Vandré, no poema "Para não dizer que não falei das Flores"
"Vem vamos embora, que esperar não é saber, quem sabe faz a hora não espera acontecer."
Viva a República.Viva.



Pra Não Dizer Que Não Falei Das Flores
Geraldo Vandré

Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Somos todos iguais
Braços dados ou não
Nas escolas, nas ruas
Campos, construções
Caminhando e cantando
E seguindo a canção...

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer...(2x)

Pelos campos há fome
Em grandes plantações
Pelas ruas marchando
Indecisos cordões
Ainda fazem da flor
Seu mais forte refrão
E acreditam nas flores
Vencendo o canhão...

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer...(2x)

Há soldados armados
Amados ou não
Quase todos perdidos
De armas na mão
Nos quartéis lhes ensinam
Uma antiga lição:
De morrer pela pátria
E viver sem razão...

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer...(2x)

Nas escolas, nas ruas
Campos, construções
Somos todos soldados
Armados ou não
Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Somos todos iguais
Braços dados ou não...

Os amores na mente
As flores no chão
A certeza na frente
A história na mão
Caminhando e cantando
E seguindo a canção
Aprendendo e ensinando
Uma nova lição...

Vem, vamos embora
Que esperar não é saber
Quem sabe faz a hora
Não espera acontecer...(4x)

ELE HÁ CARGAS FANTÁSTICAS, NÃO HÁ? A BRIGADA É REPÚBLICANA E ACREDITA NAS FLORES VENCENDO O CANHÃO

Sem comentários: