As minhas cachadas no Geocaching

Profile for jpngi

sexta-feira, 18 de abril de 2008

Os Cagões

Este é o BLOGUE DO DIA, hoje destacado por este vosso servidor que está um pouco acima do posto de soldado raso. O que a Brigada se diverte nas horas de lazer com este blogue, chega até mandar sms com as piadas dele para os amigos. Haja quem consiga fazer humor com o dia a dia aqui do burgo. Podia passar aqui o resto do post a escrever loas sobre este blogue, mas o melhor é irem lá dar uma saltada em : http://irmaolucia.blogspot.com/- Basta clicarem em cima do link para lá irem ter, e tenho a certeza que vão visitá-lo com frequência
O POST DE HOJE
Caros Bloguistas Militantes,
Este nosso pequeno burgo, é cheio de contradições, se por um lado bradamos aos 4 ventos, que pertencemos ao primeiro mundo, as nossas atitudes demonstram o contrário.
Mas somos teimosos, não aceitamos as evidências da vida real, como diria Sérgio Godinho,
“Na vida real as aparências estão do outro lado do espelho, na vida real não me assemelho, à simulação das evidências”.
As nossas atitudes ainda estão ao nível terceiro mundista, e são das mais incríveis, por exemplo, o automóvel é uma delas.
Com a aquisição de um automóvel, contraímos também um empréstimo bancário para um bem, que logo à saída do stand perde em média 20% do que custou, ou seja 20% do nosso empréstimo se esfuma logo ali.
E por ano vai desvalorizando uma percentagem não uniforme dependendo do veículo, não está nada mal, é uma escolha acertada para uma classe média que adora perder dinheiro, para depois poder queixar-se que o não tem e que não sabe como o gastou, mas aqui não pode fazer como no futebol e culpar os árbitros... por isso culpa o euro ou o governo.
Na Suiça, na Dinamarca e na Holanda, países do primeiro mundo, a bicicleta é um veículo essencial, por outro lado está já no terceiro estádio de usufruto esse objecto sujeito a registo.
Lá, o automóvel serve essencialmente para o fim de semana, de resto andam a pé, de bicicleta ou de transportes públicos o mais possível, e imagine-se tem mais dinheiro que nós.
Mas cá não. Cá, quando possuímos um desses veículos, passamos devagarinho pelos transeuntes, todos cagões para estes nos admirarem e se estiver todo artilhado com tunning tanto melhor , mais nas vistas dá.
Colocamos no máximo volume, para mostrarmos a potencia do som instalado , nem que seja a ouvir o último exito de um qualquer fado contando as desgraças alheias.
Ao ouvirmos aquilo, puxa-nos logo para o sentimento, apetece-nos logo, comer um caldo verde e beber uma ginginha no Rossio, mas infelizmente não podemos, "A GINGINHA DO ROSSIO" foi fechada pela ASAE.
Tal como os animais marcam território, nós marcamos o território com aquele som a passar devagarinho.
E passamos devagar para verem que temos um automóvel, nem que seja um xarrabeco de 1000 de cilindrada. E tu? Tu qye vais pelo passeio, tu andas a pé. Pelintra, quem tem o carro sou eu, curte aí o meu som, porque com este carro "I am the king of the world", e tu tens de o saber.
Claro que pagamos esta realeza em suaves prestações mensais ao banco, mas isso não interessa nada.
Ah! E se tu, por acaso, numa interessante conversa dizes que não tens carro.
A pergunta fatal vem logo de seguida. Mas não tens carta?
Se dizes que sim , que tens carta, e que por tua opcção não queres ter carro.
Repetem a pergunta para confirmar. Mas não tens MESMO carro, estás a brincar, certo?
E tu, acenas a dizer, que não, não tens carro.
Automaticamente, as pessoas com quem conversavam, confirmam o a frase do filme "arma mortifera" ... "Make like a tree and get the fuck out of here"... e se for uma gaija boa a fazer isso, nós ficamos a pensar se não deveriamos fazer uma visita ao stand, já amanhã... Para adquirir esta importante peça de engate, pois não interessa o que tu és, mas o que tu tens.
Portugal já conseguiu passar do estádio do primeiro nível automóvel para o estádio segundo nível automóvel, mas teimamos a não querer evoluir para o terceiro nível.
Somos uns cagões. Latinos e cagões. E não há papel higiénico que chegue para todos nós e para toda esta cagança nacional.
Mas o que podemos fazer... está-nos no sangue.
O Calhambeque - Roberto Carlos
"Essa é umas das muitas histórias
Que acontecem comigo
Primeiro foi Suzy
Quando eu tinha lambreta
Depois comprei um carro
Parei na contra-mão
Tudo isso sem contar
O tremendo tapa que eu levei
Com a história
Do Splish Splash
Mas essa história
Também é interessante
Mandei meu Cadillac
Pr'o mecânico outro dia
Pois há muito tempo
Um conserto ele pedia
E como vou viver
Sem um carango prá correr
Meu Cadillac, bi-bi
Quero consertar meu Cadillac
Bi Bidhu! Bidhubidhu Bidubi!...
Com muita paciência
O rapaz me ofereceu
Um carro todo velho
Que por lá apareceu
Enquanto o Cadillac
Consertava eu usava
O Calhambeque, bi-bi
Quero buzinar o Calhambeque
Bi Bidhu! Bidhubidhu Bidubi!...
Saí da oficina
Um pouquinho desolado
Confesso que estava
Até um pouco envergonhado
Olhando para o lado
Com a cara de malvado
O Calhambeque, bi-bi
Buzinei assim o Calhambeque
Bi Bidhu! Bidhubidhu Bidubi!...
E logo uma garota
Fez sinal para eu parar
E no meu Calhambeque
Fez questão de passear
Não sei o que pensei
Mas eu não acreditei
Que o Calhambeque, bi-bi
O broto quis andar
No Calhambeque
Bi Bidhu! Bidhubidhu Bidubi!...
E muitos outros brotos
Que encontrei pelo caminho
Falavam:
Que estouro Que beleza de carrinho
E fui me acostumando
E do carango fui gostando
E o Calhambeque, bi-bi
Quero conservar o Calhambeque
Bi Bidhu! Bidhubidhu Bidubi!...
Mas o Cadillac
Finalmente ficou pronto
Lavado, consertado
Bem pintado, um encanto
Mas o meu coração
Na hora exata de trocar
Aha! Aha! Aha! Aha! Aha!
O Calhambeque, bi-bi
Meu coração ficou com
O Calhambeque
Bi Bidhu! Bidhubidhu Bidubi!...
Bem! Vocês me desculpem
Mas agora eu vou-me embora
Existem mil garotas
Querendo passear comigo
Mas é por causa
Desse Calhambeque,Sabe!
Bye! Eh! Bye! Bye!
Arrãããããããããmmmm!
"Ele há cargas fantásticas não há? Mas desde que existe a cavalaria mecanizada, as cargas já não são o que eram"

2 comentários:

as jornalistas disse...

obrigada pela visita ao Pápricas!

Gioconda disse...

Bem ja li mais uns postezitos que sempre me agradam.... é verdade não é que o meu blog generalista tenha grande interesse mas se o quiseres visitar envia-me um mail para gioconda_gorda@yahoo.com.br e eu mando-te um convite.